Sites Grátis no Comunidades.net
Crie seu próprio Site Grátis! Templates em HTML5 e Flash, Galerias em 2D e 3D, Widgets, Publicação do Site e muito mais!

NOTADEZ


zecomeiausp@yahoo.com.br  wilsinho64@yahoo.com.br  borenosbor@yahoo.com.br  http:\\\\br.groups.yahoo.com/group/notadez rosesempre@hotmail.com samutecjc@hotlmail


Total de visitas: 293996
HISTÓRIA - MESOPOTÂMIA

HISTÓRIA ANTIGA MESOPOTÂMIA



 



 


O texto é um resumo da aula sobre os povos Mesopotâmicos, da chegadas por volta de 8000 a.C. período em que o homem torna-se sedentário por causa da descoberta da agricultura. Foi a partir desse momento que surgem as primeiras aldeias e logo depois as cidades, as cidades eram fortificadas, com muralhas de defesa, e construídas em elevações, tanto por causa das cheias quanto um lugar estratégico para se defender dos ataques. É sabido que para um exército atacar posições que fiquem acima das suas é mais complicado.


 


 As cidades nascem para armazenar as produções agrícolas, e como local de comércio. Essas populações estacionadas passam a se organizar política, social e economicamente, além do desenvolvimento de religiões. Podemos dizer que essa região foi foco irradiador de cultura para varias outras. E portanto vamos encontrar traços culturais em outros povos.


 


 


 


História.


 


Os povos Mesopotâmicos.


 


Os registro arqueológicos apontam que a instalação das primeiras civilizações se deu na Mesopotâmia e não no Egito, os registro remontam a cerca de oito a sete mil anos a.C. OS SUMÉRIOS povos que ocuparam a baixa mesopotâmia por volta de 3000 a.C. Fundaram cidades-estado, as mais conhecidas que fazem parte de todos os livros didáticos de 5ª série são; Ur, Uruk, Eridu e Lagash. Cidades independentes, mas que lutaram entre si pelo domínio das outras, mas os dirigentes de Uruk teriam submetido as demais.


 


OS ACADIANOS, povos semitas[1] que mais ou menos na mesma época provenientes do deserto da Síria instalaram-se próximos às cidades sumérianas, próximo a Babilônia. Sob o controle de Sargão submeteram os sumérios e formaram um império, que durou aproximadamente um século, quando foram dominados por povos do norte.


 


 


 


O PRIMEIRO IMPÉRIO BABILÔNICO.


 


Depois de lutas ininterruptas, as mesopotâmia conheceu a unidade no século XVIII a.C. O rei Hamurabi tomou a cidade da Babilônia e fez dela a capital de seu império, tornando-se um dos principais centros urbanos e políticos da Antigüidade. Durante seu governo foi elaborado um conjunto de leis. O código Hamurabi era composto por centena de leis, muitas delas baseadas nos costumes dos sumérios. Esse código era uma tentativa de organizar o direito numa sociedade dividida em homens livres e escravos. Os delitos e as punições eram definidos segundo a categoria social do acusado. A lei do Talião dizia que as punições deveriam ser idênticas ao delito cometido: “Olho por olho, dente por dente”. Por volta do ano 1600 a.C. grandes migrações vindas principalmente do Leste (migrações de Indo-europeus em especial os hititas) e cassitas desestruturaram o império dando origem a reinos menores e rivais.


 


 Alguns artigos do código Hamurábi como curiosidade e também para comparar as diferenças sociais: Art. 200 Se um homem arrancar o dente de um outro homem livre igual a ele, arrancarão o seu dente. Art. 201 Se ele arrancou um dente de um homem vulgar pagará um terço de uma mina de prata. Art. 202 Se um homem agrediu a face de um outro homem que lhe é superior, será golpeado sessenta vezes diante da assembléia com um chicote de couro de boi. Art. 229 Se um pedreiro edificou uma casa para um homem, mas não a fortificou e a casa cair e matar o seu dono, esse pedreiro será morto. Art. 230 Se causou a morte do filho do dono da casa, matarão o filho desse pedreiro. Art. 231 Se causou morte ao escravo do dono da casa, ele dará ao dono da casa um escravo equivalente.


 


 OS ASSÍRIOS, outro povo que se estabeleceu na alta Mesopotâmia (Norte), região chamada de Assur, por volta do ano 2500 a.C. Por muitos séculos os habitantes de Assur foram atacados por diversos povos, sendo obrigados a fugir para o alto das montanhas, Portanto desde cedo organizaram um forte Estado Militarizado. Inicialmente foram vassalos[2] dos sumérios, cujo poderio é liquidado pelas invasões elamitas e amoritas. Os assírios conquistam sua independência, lutam com os povos vizinhos e chegam a construir um império com Sargão I. Sua sociedade era dominada por camadas de sacerdotes e guerreiros. As populações vencidas durante a expansão territorial terminaram escravizadas. Ficaram conhecidos por sua crueldade principalmente com os vencidos nas guerras (Criaram um exército poderoso, violento e extremamente ágil), não apenas escravizavam como também torturavam (esfolamentos, castrações, amputações em geral), assegurando pelo terror seu poder sobre os derrotados. A expansão do poderio assírio se deu a partir do séc. XX a.C. e só foi interrompida quando Hamurábi da Babilônia subiu ao poder no séc XVIII a.C. A partir do século IX a.C. quando a Babilônia já estava enfraquecida, os assírios estabeleceram um poderoso impérios chegando a controlar um vasto território do Egito, passando pela Palestina e Mesopotâmia. Seu apogeu foi atingido no reinado de Assurbanipal (668 a 625 a.C.), sua capital foi Assur e depois Nínive. Em seu reinado foi construída a famosa “biblioteca” de Ninive, onde foram guardadas milhares de tábuas com inscrições cuneiformes. Após a morte de Assurbanipal, o império Assírio entrou em decadência, com a sublevação das populações conquistadas e a invasão dos caldeus e medos.


 


Em 612 a.C., Ninive foi destruída e os caldeus deram origem ao segundo império Babilônico. A BIBLIOTECA DE NÍNIVE. A biblioteca ocupava um dos 80 cômodos do palácio construídos por Senaqueribe (imperador entre 705 e 681 a.C.) em Nínive. No século XIX o arqueólogo inglês Austen Henry Layard em suas escavações descobriu as ruínas e os restos da biblioteca. Foram encontradas mais de 20.000 placas de argila com inscrições cuneiformes, tratando dos mais diversos assuntos, como astronomia, matemática, religião, magia e crônicas. Por elas foi possível resgatar dados preciosos da história da Mesopotâmia.


 


 


 


O SEGUNDO IMPÉRIO BABILÔNICO


 


A Babilônia volta a ser a capital de um império com a derrota dos Assírios, nesse momento sob o domínio dos Caldeus. O apogeu desse império viria com o governo de Nabucodonosor (séc. VI a.C.), quando foram construídas grandes obras publicas como templos, muralhas defensivas e os grandes palácios, cercados pelos famosos “jardins suspensos”. Conquistam Jerusalém e deportam os judeus para a Babilônia onde permanecem como escravos (a bíblia menciona o Cativeiro da Babilônia). Apesar de suas belezas e maravilhas, de todo seu esplendor, esse Império durou menos de um século, sendo conquistados pelos persas.


 


 


 


 Resumo:


 


MESOPOTÂMIA. Localização e condições geográficas: Bacia dos rios Tigres e Eufrates na Ásia Ocidental, um vale fértil cercado por regiões estéreis. Foi disputado por vários povos. Sumérios: Estabeleceram-se na região por volta de 3000 a.C., fundaram Ur, Uruk, Eridu e Lagash. Foram unificadas por volta de 2300 a.C. Acadianos: De origem Semita, se estabeleceram ao norte dos sumérios, na Babilônia. Primeiro Império Babilônico: Povos amoritas fundaram a 1ª dinastia babilônica. Principal figura foi o rei Hamurábi, que conquistou vasto território e elaborou o código de leva seu nome. Assírios: Localizados na alta Mesopotâmia, foram liderados por Sargão I. Controlaram vasto território que foi controlado pela força. Seu apogeu foi no governo de Assurbanipal. Segundo Império Babilônico: Também chamado de Império Caldeu ou Neobabilônico (626-5390 a.C.). Seu apogeu se deu na época de Nabucodonosor que conquistou Jerusalém. Este império foi conquistado pelos persas. OBS: A civilização mesopotâmica teve como base os Sumérios, que deixaram como herança a escrita cuneiforme, a religião, o sistema jurídico e as práticas comerciais. Com relação à religião, foram povos politeístas, os principais deuses: Marduk, Shamash, Enlil, Ishtar. Relatos do Velho Testamento são de origem suméria (gêneses e dilúvio) Leiam com atenção e tirem as duvidas com o professor. Para aprofundar no assunto, indicação dos primeiros passos. Segue abaixo endereços onde encontrarão outros textos, imagens e mapas.


  


 







 


Video em Espanhol sobre a Mesopotâmia (artehistoriacom) 


 


http://paginas.terra.com.br/educacao/jlourenco/mesopot%E2mia_seus%20povos.htm


http://pt.wikipedia.org/wiki/mesopot%C3%A2mia


http://www.infoescola.com/historia-baixa_mesopotamia-129.htm  


 


Recomendáveis.  


 


http://www.fflch.usp.br/dh/heros/traductiones/herodoto/babilonia/babilonia.html http://www.fflch.usp.br/dh/heros/traductiones/biblia/antigotestamento/isaias/babilonia.htm  http://www.fflch.usp.br/dh/heros/historica/apontamentos/bronze/antigo/sumer/imagens/urukestatua.html  http://www.fflch.usp.br/dh/heros/historica/apontamentos/bronze/antigo/sumer/imagens/urukestelacaça.html  http://www.fflch.usp.br/dh/heros/historica/apontamentos/bronze/antigo/sumer/imagens/urukvaso1.html  http://www.fflch.usp.br/dh/heros/historica/apontamentos/bronze/antigo/sumer/imagens/uruktumbas.html http://www.fflch.usp.br/dh/heros/oriente/mesopotamia/sargaoaccad/textos/lenda.html


 


 

Criar um Site Grátis   |   Crear una Página Web Gratis   |   Create a Free Website Denunciar  |  Publicidade  |  Sites Grátis no Comunidades.net